Pólo
O seu jornal de notícias impresso e na internet!

JORNAIS DA EMPRESA JORNALÍSTICA ACRM

Home Contato Culinária Diversão Editorial Educação Empresa Imóveis Negócios Notícias Parceiros Poesias Policial Política Saúde
JORNAL POLO PAULISTANO EM FLASH

Primeiro Amor

Poetisa Riselda Morais

Cabeça e corpo de menina
Cheia de boa intenção
Muitos sonhos de beleza
Mas nenhuma curtição

Quão belo, era este tempo
Em tudo, tinha emoção
Elevava o pensamento
Até outra dimensão

Mas quando ele chegou
Enchendo o mundo de cor
Sorrindo ele me olhou
E todo o céu se estrelou

Foi ao se aproximar
Tocar-me a mão e falar
Que senti meu coração
Feliz a me avisar

Estou entrando em ação
Aceite o meu clamor
Sinta a minha reação
É o meu primeiro amor

A encantar na adolescência
Na simplicidade da palavra
A revelar a inocência
Dos beijos com que sonhava

Ao sentir-me tocada
Todo o corpo estremeceu
Quis-me tua, te quis meu
Senti-me tão desejada

Plenamente apaixonada
Entreguei-me ao sentimento
E não quis pensar em nada
Só quis viver o momento

Lembro e não volto atrás
Suspiro, mas não lamento
Deixar esse amor já faz
Parte do meu crescimento

Com o passar do tempo
Esse amor adormeceu
E a menina se escondeu
Em um corpo de mulher!

 

Poesias registradas - Todos os direitos reservados à autora e poetisa Riselda Morais . Permitida reprodução desde que citado o nome da autora.

Blogger de Notícias

Blogger de Poesias

Twitter
VOLTAR

ATENÇÃO: Melhor visualização em resolução de 1024x768

© Riselda Morais