Pólo
O seu jornal de notícias impresso e na internet!

JORNAIS DA EMPRESA JORNALÍSTICA ACRM

Home Contato Culinária Diversão Editorial Educação Empresa Imóveis Negócios Notícias Parceiros Poesias Policial Política Saúde
JORNAL POLO PAULISTANO EM FLASH

Espelho D’água

Poetisa Riselda Morais

As flores caem
sobre o sinuoso rio
De águas claras
e transparente
Cobrindo o leito,
serena, livremente

Curso natural,
Um único sentido
Do paraíso real,
rumo ao desconhecido

Fielmente espelhada,
uma linda colina
Refletida na água
pura, cristalina

O pôr-do-sol brilhante
fez-se num instante
Em paisagem dourada

Ao som da passarada
Contemplo encantada,
A perfeição divina

Do dia que termina
tão belo, tão mágico
que comparo ao amor

Que vem suavemente
rumo ao meu coração,
faz-se conhecido
Dá a vida um sentido,
desperta paixão

Chega de mansinho,
ganha meu carinho,
Enche-me de emoção

Pensarei o amor
com a transparência da água
Sem lágrima, sem dor
sem medo e sem mágoa

Sempre que eu for
Ao espelho d’água
Quando o sol se puser
Uma estrela brilhar

Tocar uma flor
Ouvir um pássaro cantar
Ver um beija-flor
a terra ou o mar!

Poesias registradas - Todos os direitos reservados à autora e poetisa Riselda Morais . Permitida reprodução desde que citado o nome da autora.

Blogger de Notícias

Blogger de Poesias

Twitter
VOLTAR

ATENÇÃO: Melhor visualização em resolução de 1024x768

© Riselda Morais